Kylie.com.br

Kylie passa semana agitada em Nova York

Considerando que Kylie Minogue não tem um álbum inédito desde 2010, o que ela vem realizando nos últimos três anos compensa essa “ausência”. Não bastasse o K25, projeto que comemorou os 25 anos da Kylie na indústria da música, a volta da cantora ao cinema com “Holy Motors”, de Leos Carax, e o lançamento de “Skirt”, agora ela vem com tudo para conquistar os Estados Unidos – país que, conforme a opinião de várias publicações, estranhamente nunca abraçou a carreira da Kylie, que é extremamente bem sucedida ao redor do mundo.

A causa? O contrato com a Roc Nation, empresa comandada pelo rapper Jay-Z, que já é a casa de outras artistas pop como Rihanna. Porém, o que se pode constatar na última semana é que Kylie não está nos Estados Unidos apenas para gravar seu novo álbum. Ela chegou para marcar presença mesmo!

Na noite da última segunda-feira (17), ela esteve na Sak’s S.F.A. para o lançamento do livro “Kylie Fashion” em território estadunidense. Mais de 300 sortudos tiveram a oportunidade de conhecer a estrela e ter sua cópia do livro autografada.

O livro documenta centenas de fotos icônicas, croquis e cliques de paparazzi dos looks da Kylie, que revela:

Foi difícil ter que deixar algumas imagens de fora. É como ter que lidar com o seu guarda-roupa: mesmo que ele já esteja cheio, você sempre quer colocar mais.

A publicação tem introdução de Paul Gaultier e comentários de Domenico Dolce, Stefano Gabbana e Karl Lagerfeld, com páginas coloridas e cheias de estilo – um trabalho estético que, segundo a Elle, faz o leitor até esquecer que a obra é sobre apenas uma mulher.

Kylie diz que seu amor por roupas vem da infância: “Quando eu era jovem, minha avó me ensinou a moldar e a costurar. Então, se alguém está projetando algo para mim, eu posso conversar e dar dicas do que pode ser feito”. Quanto ao seu estilo, ela diz não ter nada definido: “O meu estilo é eclético, sou uma camaleoa. É um verdadeiro prazer vestir diferentes designers e estilos”.

Segundo o The Cut, Kylie estava calma e focada na noite de autógrafos, com um copo de água e um café expresso ao seu lado. Na ocasião, ela vestia um vestido preto de Emilio Pucci. “Não foi um vestido desenhado para eu sentar, então não sei como vou assinar 300 livros. Mas vamos lá!”, brincou a cantora.

Boa parte das peças de “Kylie Fashion” trazem os figurinos que vieram da parceria da australiana com William Baker, seu amigo e estilista de longa data. Mas, segundo ela, o processo nem sempre é perfeito. Kylie admite que, de vez em quando, eles se “bicam”:

Às vezes digo: ‘eu não vou usar isso!’ E ele diz: ‘mas você deveria usar isso!’. É bom ter alguém assim ao seu lado… quem empurre um pouco e ajude você a ousar.

Os fãs também podem ver roupas da Kylie no Performing Arts Museum, em Melbourne, na Austrália. Para o museu, a cantora doou várias de suas peças icônicas. “Se eu tiver tempos difíceis financeiramente, não vou ter nada para vender!”, brinca a cantora.

Eu olho para trás e penso que vesti tudo aquilo em 77 shows ao redor do mundo com todas as dores, lágrimas, sangue, felicidades e emoções ao longo do caminho.

Passando uma temporada nos Estados Unidos para produzir seu novo álbum de inéditas, que contará com colaborações de Timbaland, Pharrell Williams e Sia, a cantora ainda arranja tempo para eventos que não são inteiramente dedicados a sua figura.

Logo depois da noite de autógrafos do “Kylie Fashion”, ela caiu na pista do aniversário de 10 anos da boate nova-iorquina 40/40. Com sapatos Jimmy Choo, ela ainda surpreendeu com um vestido de Anthony Vacarello: a peça remetia ao famoso short dourado do clipe “Spinning Around”.

Jay-Z, o dono da boate e também da Roc Nation, esteve presente e tirou fotos com a australiana. Kylie ficou no mesmo camarote que Beyoncé e o que vários sites noticiam é que ela e Beyoncé conversaram a noite inteira em clima de amizade.

A agenda de Kylie em Nova York continuou intensa durante os dias seguintes. Na quarta (19), participou do programa Watch What Happens Live, do apresentador Andy Cohen. Quem também esteve com ela participando das gravações foi o ator Elijah Wood, outro entrevistado de Cohen.

Mas se engana quem pensa que Kylie é a única Minogue nos Estados Unidos. Sua irmã, Dannii, também está por lá. E, ainda na terça-feira (17), ambas foram destaque no portal Expres, que brincou: “Irmãs em competição! Ontem, Kylie e Dannii Minogue estavam em uma séria disputa. Ambas estavam igualmente glamourosas em Nova York”. Não se sabe se elas estão juntas ou em um mesmo hotel, mas ambas certamente estão ligadas pelo estilo!

Fiquem ligados que o Kylie.com.br continua acompanhando todos os passos da Kylie em Nova York. E, também, claro, em todo o mundo!

Comentários ()
Tags: Especial Estados Unidos Publicado por Matheus Pannebecker em 23 de junho de 2013 às 00:28

Você pode se interessar também por:

Facebook

Twitter

Copyright © 2004-2017 KYLIE.com.br - Kylie Minogue Brasil. Todos os direitos reservados.

Designed por Leo